Considero-me uma trintona média, logo, representativa da Classe... mas posso estar enganada...

05
Set 10

 

Hoje pretendo escrever sobre dois assuntos distintos, mas que acabam por estar interligados.

 

Em Mallorca estive perdida. O meu gaydar, tão bem programado para a realidade portuguesa, esteve completamente avariado. Homens depilados, guapíssimos,  de sunga, em grupos... Em Portugal só podia querer dizer uma coisa. Mas, aprendi eu, se os moços falarem italiano, ou alemão, ou inglês... A coisa não é bem assim. Nunca vi tanto gajo giríssimo numa praia só.

 

Como diria um brasileiro que conheci em tempos: "Tanto lanchinho dando sopa por ali e eu de dieta!"

 

E... Os homens portugueses perceberam finalmente que as mulheres já não gostam de tapetes. Esses são para ter no chão das casas... e mesmo assim!!! Ter cinco belos exemplares da profissão "mais macha" do país a discutirem, à minha frente, como é que fazem a depilação das costas ou do peito (sim, e de outras partes também!!! :-o )... Preço? Incalculável!

 

Obrigada. O meu mais encarecido obrigada a todos(as) os(as) responsáveis por esta nova realidade!!!

publicado por Trintona(inha) às 21:21
sinto-me: Bem!
música: Momento final - Santos & Pecadores

4 comentários:
Gostei muito desse texto
Amanda a 6 de Setembro de 2010 às 21:02

Olá Amanda

Obrigada pela visita e pelo comentário!

:-*
Trintona(inha) a 6 de Setembro de 2010 às 22:43

Só uma dúvida:
Na tua opinião, qual é a profissão "mais macha" do país?
Miguel a 8 de Setembro de 2010 às 01:47

Polícias, pois então!

Que outra podia receber tal "adjectivo"?

:-)
Trintona(inha) a 8 de Setembro de 2010 às 11:03

Setembro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
29
30


mais sobre mim

ver perfil

seguir perfil

47 seguidores

pesquisar neste blog
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

links
blogs SAPO