Considero-me uma trintona média, logo, representativa da Classe... mas posso estar enganada...

18
Jun 08

Ora bem... Este assunto em que me meto hoje é complexo, logo à partida, porque o que uma trintona procura num homem (ou noutra mulher...) é bem diferente consoante o que dele/a se pretende...

 

Se apenas se procura uma noite bem agitada... talvez o mais importante seja mesmo um click de atracção que, penso, tem de haver para todas. Para mim, dou importância ao aspecto, ao saber estar, falar e ouvir... Não posso dizer moreno/loiro, gordo/magro... tudo isso depende... se calhar é bem mais importante o sex-appeal ou o charme...

 

Se o que se procura é algo mais - e parece-me necessário frizar aqui que nem todas as mulheres de trinta procuram casamento, ou sequer namorado, tal como eu o entendo, pois parece que ultimamente toda a gente que sabe da minha situação me quer arranjar um dos dois - parece-me essencial o tal click, mas mais... inteligência, sentido de humor refinado, dominar pelo menos o português e o inglês (ai, que exigente sou, dirão vocês...), ter dois ou três tostões no bolso para não se ouvir a frase «se tivesse dinheiro ia ter contigo» ou «levava-te a tal sítio», ser sempre verdadeiro (aqui está uma das mais-valias de uma trintona representativa da classe... já ouviu tantas mentiras que o radar está mais apurado), ser bom na cama (fora dela, em todo o lado que surja!) e (vem aí a pior) ser alto. Mais alto do que eu, pelo menos 10 cm. Qualquer coisa abaixo disso não tem piada.

 

Já sei... Peço coisas estranhíssimas, mas não faz mal. Já há muito tempo que sei que não existem nem príncipes encantados nem pessoas perfeitas. E como digo, não procuro ninguém para casar, dividir casa ou sequer namorar... Apaixonar-me e ser retribuída no que posso dar já me chegava... Mas até isso parece impossível neste momento...

 

Bjs

Trintona

publicado por Trintona(inha) às 22:24
música: La tortura - Shakira
sinto-me:

8 comentários:
OLá:

Eu também sou trintona, tenho 2filhos. Não estou separada mas é como se fosse e concordo contigo:

já não acredito em principes encantados ou pessoas perfeitas há muito tempo.

E também não procuro namoro ou compromisso - apenas paixão mútua.

É a 1ª vez que visito o teu blog, mas já o adicionei nos meus favoritos.
Lola a 29 de Julho de 2008 às 12:37

Olá Lola

Pelo que escreveste, interpreto que procuras sexo e talvez um pouco de sentimento... É isso?

Beijos
Trintinha

Nem mais. Ou melhor: procuro sexo com sentimento, com emoção à mistura.
Procuro prazer precedido de desejo. Andava há tempo demais a ter prazer no sexo sem ter desejo.

O sentimento, a emoção tem que estar presente no sexo.

Apenas só já não acredito no "e foram felizes para sempre" e "amor e cabana".

Não é estranho isto pois não?

bjs
Lola a 2 de Agosto de 2008 às 22:35

Olá Lola

Pois é, entendo todas as tuas palavras até agora.
Sexo com prazer sem desejo numa relação que existe mas é como se já não? Check!
Não acreditar em «e viveram felizes para sempre»? Check!
O que é mais difícil é conciliar isso com uma visão positiva para dois filhos que estão a crescer e fazem (faz ela, ok, mas ele lá chegará) inúmeras perguntas sobre o casamento, a felicidade... Enfim...

Beijos!
Trintinha

Pois é minhas amigas, concordo com vários pontos das vossas opiniões/expriências.
Vou-vos contar o que aconteceu cmg..(resumidamente)

tudo se passou numa noite-discoteca. Basicamente encontrei esse rapaz de que vcs falam. Alto, nem giro nem feio...talvez mais feio que giro..(nariz grande), bem feito de corpo e claro, com o seu charme e um olhar penetrante!!
Meti conversa...uns copos..e um pormenor, o rapaz tinha 20 anitos...enfim, nunca pensei em me envolver com alguem bastante mais novo (tnho 34 eu)...mas gostei...uma relaçao de puro sexo/desejo/amizade....MTO BOM !!
E vcs ?? Ja se envolveram com alguem muito mais novo que vcs ou eram capazes de se envolver ????

Bjinhs **

lilia a 5 de Abril de 2009 às 21:00

Olá Lília

Bem-vinda!

O que referes é indicado aqui no blog como vintinho. :)
O meu extremo foi um jovem de 22 anos quando eu tinha 31, ou seja, ainda não fez um ano. Mas agora estou noutra fase... Não quarentões que isso talvez seja demais, mas e meio dos trinta soa-me tãaaao bem...

:)

Beijo!

Viva, permitam-que faça aqui alguns comentários. A fase dos 30-40 é a melhor fase das mulheres, na minha modesta opinião. Nela conseguem combinar a maturidade e ainda a juventude. Todavia, é nesta fase onde surgem os maiores desafios e as grandes indifinições. Nesse sentido há valores que necessaiamente têm que estar presentes sob pena de terem uma das piores fases das vossas vidas. São eles:
- respeito próprio
- respeito pela unidade básica da sociedade que é a família
- verdade
- autoestima
- nada de dogmas (abram os horizontes - é um processo mental - )
- pragmatismo
- evolução (trabalhem-se espiritual e intelectualmente)
- procura do inner-self (a vossa conversa passa quase toda por aquilo que podem receber, nomeadamente dos homens. E voces? O que fazem pela vossa pessoa? Qto tempo estão sozinhas? Qto tempo dedicam a reflexão?)
- respeito pelas diferenças (aka compreensão)
- e paixão (tudo o que não tem paixão tem um fundo de aborrecimento).
hellboy a 20 de Abril de 2012 às 08:00

As minhas desculpas pela demora na resposta.

"A fase dos 30-40 é a melhor fase das mulheres"
Ainda não passei desta, mas é, sem dúvida, a melhor até agora!

"é nesta fase onde surgem os maiores desafios"
Não seria mau se assim fosse, mas acredito, isso sim, que são muitos. Maiores não sei. No futuro encaramos outros. Não tenho a certeza que sejam menores...

Quanto a: "respeito próprio, respeito pela unidade básica da sociedade que é a família; verdade; auto-estima; nada de dogmas; pragmatismo; evolução; procura do inner-self; respeito pelas diferenças e paixão"... é transversal ao género sexual da pessoa, não te parece?



Junho 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13

15
19
20

22
28

30


mais sobre mim

ver perfil

seguir perfil

49 seguidores

pesquisar neste blog
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

links
blogs SAPO